• A geração que esbanjou seus poetas

O suicídio de Vladímir Maiakóvski em 1930 marcou em definitivo o fim do entusiasmo das vanguardas artísticas e literárias com o regime vitorioso na União Soviética. “Abalado até os ossos”, o lingüista e crítico Roman Jakobson (1896-1982) reagiu com este ensaio sobre A geração que esbanjou seus poetas, publicado em 1931. A morte de Maiakóvski significava muito mais que um drama pessoal: era “o rosto do nosso tempo, uma sufocação da história”. O lamento e a indignação, porém, aqui se misturam com a visada crítica inovadora, que procura entender em termos especificamente literários (e não biográficos) o laço indissolúvel entre a vida e a obra de um grande poeta. O ensaio, que representa uma virada na obra madura de Jakobson, é ilustrado pelas colagens feitas por Aleksándr Rodchenko para o poema “Sobre isto”.

Código: L999-9788550403892
Código de barras: 9788550403892
Peso (kg): 0,128
Altura (cm): 20,00
Largura (cm): 13,10
Espessura (cm): 0,60
Autor Roman Jakobson
Editora Editora SESI-SP
Idioma PORTUGUES
Encadernação BROCHURA
Páginas 96

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.

A geração que esbanjou seus poetas