• Repertório, opus 5

Seria fácil afirmar que o arquiteto havia transado com a moça perante a amiga, que a amiga e a moça talvez namorassem, que um deles em seguida matou o outro. Assim se inicia esta novela através da fala de um narrador que logo situa o que irá se passar afirmando que isso não seria verdade se assim narrado.Mas uma presença os atormenta. Do mundo lá fora uma ameaça difusa espreita: um ladrão? os outros? Esse mistério é que a novela procura desvendar. E, construindo-se como uma encenação, ela elenca na sua primeira página os personagens que a compõem, acrescentando ao trio a presença dos Figurantes.O papel do narrador é o desvendamento dessa presença que apenas se manifesta de soslaio diante desse pequeno mundo. Figurantes são um pivete, um travesti, uma prostituta, um solitário vigia noturno: eles surgem como a face dos excluídos que vivem lá fora, no grande mundo perante o qual o empenho dos personagens desejaria se manifestar enquanto eles permanecem no pequeno mundo cheio de desejo, prazer, temor e aspirações, e no qual convivem através da coreografia que praticam. O papel silente e predominante porém reside nas orlas do ambiente noturno da balada vivida pelos três personagens principais.

Código: L999-9788577510825
Código de barras: 9788577510825
Peso (kg): 0,110
Altura (cm): 21,00
Largura (cm): 14,00
Espessura (cm): 0,80
Autor Filho Louzada
Editora Nankin Editorial
Idioma PORTUGUES
Encadernação BROCHURA
Páginas 80
Ano de edição 2013

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.

Repertório, opus 5