• Santa Evita

Quando Eva morreu, em 1952, seu marido, o general Juan Domingo Perón, ordenou que seu corpo fosse embalsamado e exposto à nação argentina numa redoma de vidro. Três anos depois, quando o ditador caiu, o cadáver de Evita tornou-se um fardo pesado demais para qualquer regime.Assim teve início uma das mais insólitas peregrinações de que se tem notícia. Seqüestrado pelo Serviço de Inteligência do Exército, o cadáver vagou semanas pelas ruas de Buenos Aires, estacionou durante meses nos fundos de um cinema, prestou-se a todo tipo de paixões no sótão da casa de um capitão desmiolado até reaparecer, dezesseis anos mais tarde, no Velho Continente."Enfim, o romance que eu sempre quis ler."Gabriel García Márquez

Código: L999-9788571645653
Código de barras: 9788571645653
Peso (kg): 0,436
Altura (cm): 21,00
Largura (cm): 14,00
Espessura (cm): 1,80
Autor Tomás Eloy Martínez
Editora Companhia das Letras
Idioma PORTUGUES
Encadernação BROCHURA
Páginas 344
Ano de edição 1996

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.

Santa Evita